quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Sem sentido.

  O teu amor faz-me duvidar de mim mesma, se serei suficientemente boa para ti e quanto tempo durei no teu coração. Odeio cada segundo sem ti, mas tem que ser porque é impossível confiar em ti e pedir-te para que fiques comigo sem pensar se a tua resposta será sincera, mas o amor que tenho por ti ninguém o tira, eu própria tento todos os dias viver sem me lembrar de ti, mas tudo á minha volta aponta para um sentido, o teu. 
  Neste momento não sei onde estou, nem o que espero daqui para a frente porque o que eu queria eras tu, os teus abraços, os teus beijos e tudo aquilo que estivesses disposto a dar-me, pois eu ia aceitar tudo. Não posso dizer que a minha vida sem ti não faz sentido porque isso seria admitir que vences-te e que me tiras-te tudo o que tinha, mas não a minha alma e o meu coração podem estar desconsertados mas a minha força não és capaz de destruir. Nunca.

Amo-te de forma incalculável, não escondo, nunca escondi (..) mas nada te dá o direito de me deitar abaixo porque estas a destruir o único ser neste mundo que é capaz de amar-te tal como és. Mentiroso. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Isto é como no Face é só meter GOSTO (!) :b