sábado, 19 de novembro de 2011

Quando estamos apaixonados, a separação causa-nos dor física.

   Ela estava sentada no escuro do quarto e conseguia ouvir as gargalhadas vindas da sala dadas pelos pais e a irmã, mas ela não aguentava mais. Estava tudo feliz menos ela por isso foi para a varanda apreciar a lua, estava frio e a chover mas pela paz que aquilo lhe dava valia a pena uns quantos arrepios, meteu o carapuço na cabeça e tirou a lamina do bolso. Tinha prometido não voltar a fazer, mas já não aguentava mais. Quando ia a fazer o primeiro corte o telemóvel estava a tocar, limpo as lágrimas e atendeu.
- Estou?
- Não faças isso. 
- Quem fala? 
- O teu coração.
- Isto é alguma brincadeira?!
- Estou farto que te magoes.
- Vai gozar com outra idiota! 
- Ouve aqui o idiota por favor, tu não precisas dessa lamina para nada, tu és perfeita mesmo que toda a gente  te diga o contrario, e podes viver com isto. Larga essas memorias má e vive o presente e sonha com o futuro. Ou isso ou então eu paro de funcionar e morres? É isso que queres?
  A rapariga sentiu o bater do seu coração e pousou a lamina no colo.
- Não. 
 E a chamada caiu, a rapariga levantou-se da varanda, ascendeu a luz do quarto, limpou as lágrimas e foi para a sala rir com a família . 


Quando te dizem dá ouvidos e confia no teu coração não estão a dizer isso em vão, acredita.

Escrito por: Raquel Carvalho 

1 comentário:

  1. Amei :$ Porque me identifico com o coração que te ligou :x Eu Amo-te , e vou estar sempre aqui a teu lado , sabes bem disso <3

    ResponderEliminar

Isto é como no Face é só meter GOSTO (!) :b